Notícias de Mercado

02/10/19

Coop registra crescimento real de 2% no supermercado

A Coop apresentou até julho, ante mesmo período de 2018, crescimento real de 2% no conceito mesmas lojas de supermercado e 1,5% no negócio farma, além de ganho de share nas praças onde mantém unidades: Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires (no ABC), São José dos Campos, Piracicaba, Tatuí e Sorocaba (interior de São Paulo).

 

As drogarias aumentam sua participação no fornecimento total da Coop, com previsões ainda mais otimistas para 2020. Até dezembro, segundo o presidente executivo Marcio Valle, serão inauguradas mais duas drogarias - uma em São Bernardo do Campo e outra em São Caetano do Sul. “Para o primeiro trimestre de 2020, já estão aprovados outros dois supermercados e uma drogaria”, destaca.

 

Prestes a completar 65 anos, neste mês, a cooperativa continua antenada com as tendências do mercado e com uma administração totalmente voltada para a inovação, sempre com foco no cooperado.

 

“No momento, a Coop está envolvida com dois grandes projetos estruturantes que visam dar mais efetividade e agilidade na adaptação das mudanças do mercado, priorizando sempre a tecnologia, processos e pessoas. Até final deste ano lançaremos um aplicativo para os cooperados e o projeto de branding, que estamos finalizando, deverá alinhar todos os nossos negócios (supermercado, drogaria e posto de combustível) numa comunicação mais clara, harmoniosa e efetiva com nosso público”, explica Valle.

 

Inovações

 

Desde o início deste ano, a Coop está produzindo bolos, pudins e panetones da marca Delícias da Coop para outras cooperativas de consumo e a operação Loja dentro da Loja também vem apresentando resultados satisfatórios. Esse é o caso do espaço Swift, área têxtil e da Cafeteria, que envolve uma parceria com a Nestlé - estendida ainda para as áreas de rotisseria, panificação e restaurante.

 

Com esses diferenciais e outros atrativos comerciais, como tabloide especial - Comprão do Mês, descontos exclusivos para cooperados, retorno de sobras e campanhas de fidelização, o número de novas associações vem crescendo em ritmo acelerado.

 

“Enquanto em 2014 houve apenas nove mil novas associações durante todo o ano, registramos somente no mês de julho, mais de 10 mil”, comenta o executivo. Com a associação, é possível desenvolver ações direcionadas para atender de forma mais assertiva a necessidade de compra de cada um.

 

Fonte: Super Varejo