Notícias de Mercado

17/09/19

Coop oferece diversos cursos gratuitos

 

A partir do dia 23 de setembro a Cooperativa de Consumo (coop) estará com inscrições abertas para o Ciclo de Palestras, um programa que exercita o 5º princípio cooperativista - educação, formação e informação – proporcionando aos cooperados novas experiências e aprendizados.

 

Em outubro, os cooperados poderão optar pelos temas: Faça para o Dia das Crianças um risque e rabisque; Pavê de brigadeiro com confeitos coloridos; Realce seus presentes neste Natal com porta-minipanetone; Festival de culinária com Rodrigo Barbosa; Comemore com a COOP 65 anos e aprenda a fazer um delicioso bolo de aniversário e brigadeiro gourmet; Lasanha de cream cracker com recheio de empadão de frango e pavê brasileirinho; Festival de culinária com a chef Daisy Costa – macarrão prático e saboroso, bolo mousse de limão siciliano.

 

E também, os cursos: Técnicas de congelamento e receitas no microondas com produtos marca própria COOP; Oficina “saúde do cérebro” – dicas práticas; Ozonioterapia, Alzheimer Canino e Pet Sitter; Aprenda a decorar parede e mesa para festas; Festival de lanchinhos para o Halloween: kebab de pernil com relish de pepino; fraldinha desfiada ao molho de barbecue e minibúrguer com batata chips crocante  e Faça e venda: cesto de palitos decorados para festa; Alimentação saudável e prevenção do câncer – com degustação de receitas e Marmitinha fitness. A programação completa está disponível em www.portalcoop.com.br .

 

Com vagas limitadas, as inscrições poderão ser realizadas gratuitamente pela Central de Relacionamentos, no telefone 0800-772-2667. As aulas acontecerão nas lojas de Santo André (SP) (Queirós, Industrial, Perimetral, Pereira Barreto e Capuava), São Bernardo do Campo (Joaquim Nabuco, Café Filho, Vianas e Humberto de Alencar), Diadema, Ribeirão Pires e Mauá.

 

Segundo Luciana Benteo, coordenadora das ações de Responsabilidade Social, a finalidade do Ciclo de Palestras é levar conhecimento aos participantes. “Nossa missão não é de formação profissional, mas despertar interesse para que o cooperado procure novas habilidades que poderão servir de fonte de renda para reforço do orçamento doméstico”. 

  

Fonte: Assessoria de Comunicação da Coop