Notícias de Mercado

21/10/19

A escalada dos Irmãos Muffato no ranking nacional de negócios

Em 13 de março de 1996, quando o empresário Tito Muffato foi vitimado por um desastre aéreo no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu a caminho de uma pescaria junto com os amigos Itagiba Fortunato, Sérgio Gasparetto e Sérgio Doro, Cascavel foi tomada não apenas pela comoção por conta da perda de alguns dos maiores ícones empresariais da cidade, mas também por uma interrogação sobre o futuro de uma empresa genuinamente cascavelense que viria a inscrever seu nome entre as gigantes do mercado supermercadista brasileiro.

 

Tito deixou a esposa Reni, três filhos ainda adolescentes (Ederson, Everton e Eduardo) e uma empresa já sólida, mas ainda pequena por força da à época recente divisão da sociedade com o irmão Pedro Muffato. Passados quase 24 anos, se ainda estivesse vivo ele certamente estaria cheio de orgulho de seus meninos, que tornaram a empresa, agora chamada Irmãos Muffato.

 

Com faturamento de R$ 6,9 bilhões, a rede Super Muffato se consolidou como quinta maior do País em 2018, conforme ranking anual da Abras (Associação Brasileira de Supermercados) divulgado em março deste ano. atrás apenas das redes Carrefour (56,3 bilhões), Pão de Açúcar (R$ 53,6 bilhões), Walmart (R$ 23,00 bilhões) e Cencosud Brasil (R$ 8,3 bilhões).

 

Para se ter uma ideia mais precisa do gigantismo desses números, basta lembrar que o setor supermercadista registrou um faturamento de R$ 355,7 bilhões ano passado, o equivalente a expressivos 5,2% do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil. Além disso, elevou para 1,853 milhão o número de empregos diretos gerados no País todo.

 

EM EXPANSÃO

 

Com um empreendedorismo de tirar o sono dos concorrentes, os irmãos Ederson, Everton e Eduardo seguem expandindo os negócios. Nesta semana, por exemplo, anunciaram um investimento de R$ 60 milhões na instalação de mais um supermercado em Curitiba, onde plantaram raízes há 18 anos e já contam com oito unidades, além de outras seis na região Metropolitana.

 

?Estamos trazendo uma das lojas mais modernas da América Latina para os consumidores curitibanos?, disse o Everton ao ser recebido em audiência pelo prefeito Rafael Greca. Segundo ele, a unidade terá um total de 14 mil m² de área construída e 800 vagas rotativas de estacionamento, 70% delas cobertas. Serão 3,8 mil m² apenas na área de vendas.

 

Construído com base em um projeto sustentável e com eficiência energética, o novo supermercado vai ficar pronto em março de 2020 para atender aos moradores da região do Bairro Santa Felicidade e gerar 400 empregos diretos."Santa Felicidade terá um supermercado inovador. O País precisa ser renovado. Quanto mais energia limpa tivermos, melhor?, comemorou Greca.

 

Com 60 lojas entre varejo (Super Muffato) e atacarejo (Max Atacadista), o grupo cascavelense tem 14 mil colaboradores diretos, além de gerar 5,5 mil empregos indiretos. A rede atua em 22 cidades do Paraná e interior de São Paulo.

 

Fonte: Alerta Paraná