Notícias de Mercado

08/03/19

Preços globais dos alimentos sobem em fevereiro, puxados por lácteos, diz FAO

Os preços mundiais dos alimentos subiram em fevereiro, em parte devido ao aumento das cotações dos produtos lácteos, informou a agência de alimentos da ONU nesta quinta-feira (7).

 

O índice de preços de alimentos da Organização para Agricultura e Alimentação (FAO), que mede as mudanças mensais de uma cesta de cereais, oleaginosas, laticínios, carnes e açúcar, atingiu 167,5 pontos no mês passado, alta de 1,7% em relação a janeiro. Apesar da alta, o índice ainda ficou 2,3% abaixo do nível observado em igual período do ano passado.

 

O índice de preços de lácteos da FAO subiu 5,6% em relação ao valor de janeiro, impulsionado pela forte demanda de importação de leite em pó desnatado, leite em pó integral e queijo.

 

Em paralelo, a FAO reduziu sua previsão mundial de produção de cereais em 2018 para 2,609 bilhões de toneladas, contra os 2,611 bilhões previstos há um mês.

 

"A última revisão baseia-se quase inteiramente em uma estimativa mais baixa para a produção de milho dos Estados Unidos e reforça uma queda geral anual na produção global de cereais", disse a FAO.

 

A agência da ONU também fez sua primeira previsão para a produção mundial de trigo em 2019, estimando-a em 757 milhões de toneladas – 4% por cento acima do nível de 2018, mas aquém do recorde registrado em 2017.

 

Fonte: G1