Notícias de Mercado

20/02/19

Bolsonaro entrega a deputados proposta da reforma da Previdência

  
O presidente Jair Bolsonaro entregou hoje (20), pela manhã, a proposta da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados. Acompanhado dos ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, ele chegou por volta das 9h30 ao prédio do Congresso Nacional.

 

Bolsonaro e os ministros foram recepecionados pelos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

 

A reforma da Previdência é um dos principais pleitos que a União de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs) defende em 2019. Na semana passada, representantes da entidade estiveram com o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, para reforçar o apoio do setor de comércio e serviços para a aprovação da medida.

 

Clique aqui e faça download de uma apresentação com os detalhes da proposta entregue por Jair Bolsonaro à Câmara.

 

Tramitação

 

Inicialmente, a proposta é submetida à análise na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, e depois será discutida e votada em uma comissão especial da Casa, antes de seguir para o plenário.

 

No plenário, a aprovação do texto depende de dois dois turnos de votação com, no mínimo, três quintos dos deputados (308 votos) de votos favoráveis.

 

Em seguida, a proposta vai para o Senado cuja tramitação também envolve discussão e votações em comissões para depois, ir a plenário.

 

O texto elaborado pelo governo propõe idade mínima para aposentadoria para homens (65 anos) e mulheres (62 anos), além de um período de transição.

 

Oposição

 

A oposição, contrária à proposta, protestou em frente ao gabinete da presidência da Câmara. Um grupo de deputados , usando aventais alaranjados e laranjas nas mãos, fez críticas à reforma da Previdência.

 

 

*Com informações da Agência Brasil

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da Unecs